sábado, 22 de outubro de 2011

demo + kratos

«As pessoas não deveriam ter medo dos seus Governos. Os Governos é que deveriam ter medo das suas populações.»
V, em ming au

4 comentários:

H. Santos disse...

Os Governos aprenderam a deixar de ter medo. O mal das relações baseadas no medo é esse, o medo perde-se.

Cármen disse...

H. Santos: Nem sempre, nem sempre... Infelizmente, nem sempre.

Afonso Costa disse...

Os governos têm medo das suas populações... É por isso que governam em função dos gostos do povo, para poderem continuar a servi-los (ou servir-se deles).

Cármen disse...

Afonso Costa: Nem todos o fazem... quando publiquei esta crítica pretendia dirigi-la a todos os governos que se servem a si próprios em vez de servir as suas populações, que abusam do poder e tomam medidas incorretas, que enganam quem deveriam representar e governar.
Admito, no entanto, o teu ponto de vista é válido. Bem observado.